fbpx
6 de maio de 2021

Anime Xis – Notícias, Eventos, Reviews, Artigos, Podcast e muito mais!

Produções de animes “Slice-of-Life”, “Moe” e “Idols” podem entrar em declínio devido a demanda internacional

Segundo um artigo do Yahoo! Japan vindo de uma entrevista, tudo se deve a demanda internacional que hoje se interessa por animes de fantasia e isekais.

O site Yahoo! News Japan publicou uma entrevista entre duas personalidades e críticos da indústria de anime, onde se comentou uma análise sobre o desempenho da indústria em 2020 e a projeção para este ano. Neste artigo, um comentário será apontado onde foi expresso sobre um possível declínio nas séries de gênero “slice-of-life” (vida cotidiana), animes de caracteristicas conhecidas como “moe” e também séries sobre idols.

animes

A entrevista foi feita com o jornalista Naoshi Kazuto e o roteirista Atsushi Matsumoto. Uma das questões feitas para Kazuto foi como ele analisa a indústria de anime em 2020 e como você espera que ela se desenvolva em 2021? Ele citou que apesar dos destroços da pandemia, houve crescimento rápido para o mercado de 2,5 trilhões de ienes.

Nos demais diálogos feitos para os dois convidados, algumas informações foram levantadas e destacadas:

  • É importante destacar que o número de produções de animação televisiva vem diminuindo, provavelmente por terem sido perdidas para o mercado chinês. Embora alguns afirmem que “o mercado de anime está em perigo” e que “o crescimento parou”, na realidade já foi demonstrado que está no seu melhor crescimento”.
  • “Mesmo nesta conversa, o “método de distribuição” é um conceito chave. Afinal, internacionalmente a distribuição é feita através de plataformas de streaming como Netflix e Amazon Prime, você entende agora a grande influência que apenas essas duas têm?”
  • “O mercado de distribuição, conseqüentemente, está crescendo a passos largos. No entanto, a proporção não é tão grande quanto parece, embora os números oficiais devam ser aguardados. De momento, desconhece-se a contribuição do mercado estrangeiro para a indústria de anime. A única coisa que podemos garantir é que o mercado está se expandindo não apenas de forma linear, mas também em outras mídias de entretenimento, como merchandise e YouTubers Virtuais.
  • A alta competição também provoca uma disparidade entre as próprias empresas de animação, sendo “aquelas que podem ter como objetivo a produção de longas-metragens e distribuição em massa” e “aquelas que não recebem oportunidades”. Muitas empresas ficaram no vermelho com a pandemia de COVID-19 e estão sendo lentamente absorvidas pelas empresas mais antigas. Os eventos ao vivo foram completamente eliminados do mercado e, por serem a base das franquias musicais, os projetos baseados em idols provavelmente serão colocados em espera por um tempo. Além disso, as empresas estrangeiras tendem a licenciar primeiro o conteúdo de ficção científica e isekai, de modo que o número de séries slice-of-life também está diminuindo.
– Não tira nois do ar não tio! (Anime: Papa no Yukoto ni Kikinasai)

Nota do Editor: Se for levar em consideração ao que foram falados pelos convidados, está simplesmente acontecendo o esperado, os animes do Japão se abrindo para o mercado internacional e atendendo a demanda. Historicamente, fora do Japão os fãs sempre foram mais voltados a conhecerem séries de fantasia, ação e mais recentemente os isekais do que os animes slice-of-lifes (tanto que as emissoras de TV, que era o principal veículo de entretenimento antes do crescimento da internet, quase não traziam obras de generos slice-of-lifes). Uma coisa é certa, o decorrer deste ano de 2021 pode nos mostrar os segmentos que serão mais comercializados no mundo para termos ideia se realmente isso citado vai se concretizar.

Fontes: Yahoo! Japan, Yaraon via Kudasai

– Mais notícias de Animes? Clique neste link!

Não perca nenhuma atualização, siga-nos no Twitter@Anime_Xis InstagramAnime_xis
Conhece nosso Canal no Youtube?
Curtam nossa página no FacebookAnime Xis e entrem no nosso Grupo: Anime Xis!