fbpx

Reviews

Tenki no Ko / Weathering with You: Será que o meu tempo com você custa caro? – por Erika

| por:

Postado em: #Animes #Anúncios #Cinema #Curiosidade #Opinião

Lançado em Julho 2019, Tenki no Ko: Weathering With You atraiu muitos fãs mundo afora e por aqui não foi diferente. Confira ao review desse belo filme aqui.

Review

Ficha Técnica

Nome do Anime
Tenki no Ko
Nomes Alternativos
EN: Weathering With You / PT: O Tempo com você
Baseado em
Produção Original
Autor / Direção / Roteiro
Makoto Shinkai
Estúdio
CoMix Wave Films
Gêneros
Slice-Of-Life, Drama, Romance, Fantasia
Mês / Ano
Julho 2019
Duração
1 hora e 54 minutos
Hoje quem traz o review é a nossa amiga, leitora e membro do discord Erika, que assistiu ao belo filme de Makoto Shinkai, Tenki no Ko (Weathering with You), que nós já demos diversas informações aqui no site. Se você ainda não assistiu, pode ser que o review ajude-o a se interessar ainda mais e, se caso assistiu, pode ser que você goste do texto e sintonize ou debate com as ideias passadas pela Erika aqui. Divirta-se!

O filme mais recente do diretor Makoto Shinkai (Your Name) já está por aí e conta a história do Hodaka, um estudante do ensino médio que deixa sua casa em uma ilha e se muda para Tóquio, mas ele rapidamente fica sem dinheiro e acaba não conseguindo se manter. Em desespero ele vive seus dias em isolamento, até que um dia encontra um emprego como escritor para uma revista de ocultismo. Depois que ele começa nesse trabalho o tempo fica estranho, todo santo dia chove. Mas em um certo dia Hodaka conhece uma jovem chamada Hina, uma garota que apesar de certas circunstâncias vive uma vida feliz com o seu irmão mais novo. Outra coisa também é que a Hina tem um certo poder: o poder de mudar o clima, de limpar o céu. Mas como diria o filósofo Tio Ben “Com grandes poderes, vem grandes responsabilidades.”

E cá estamos mais uma vez elogiando Shinkai por mais um trabalho fabuloso, não é exagero falar que tanto a arte, trilha sonora e história fazem uma bela família aqui. Tenki no Ko te prende do começo ao fim a ponto de fazer você mais uma vez se questionar porque o filme não tem mais 5 minuto de tela (Principalmente por causa do final). Pois é, é o mesmo dilema do final de Kimi no Na Wa (your name), pelo jeito Shinkai adora fazer isso com o telespectador. A momentos no filme que você simplesmente navega entre os fogos de artifícios ou assiste um sol radiante aparecendo por trás do casal, nesse caso é muito bem aproveitado o uso da câmera que convida o telespectador a chegar mais perto e presenciar o que é tão bonito nesse filme.

Apesar do filme ter um enredo sobre um garoto que foge de casa e vai para Tóquio onde conhece uma garota que controla o clima, ele nos mostra que é mais do que aparenta. Tenki no Ko não é só mais um filme do Makoto Shinkai, é um filme que fala sobre o tempo (e não é do climático que estou falando) é o tempo que temos. A todo momento é mostrado o quanto chove em Tóquio e ao mesmo tempo mostra os personagens vivendo um dia após o outro em meio às dificuldades, mas sempre pensando em como viver com esse tempo maluco e o que fazer no dia seguinte. A questão aqui não é só o tempo climático, mas é o tempo que tenho com aqueles que mais amamos, tipo o chefe da revista de ocultismo.

Ele só quer mais tempo com a filha que mora com a avó e tudo que ele pede é um dia ensolarado por conta do seu problema e assim poder passar mais tempo com a filha pequena. Ou no caso da sobrinha que corre pra conseguir um emprego enquanto o tempo vai passando pra ela, o mesmo acontece com a Hina que só quer viver com dignidade com seu irmão um dia após o outro, não é atoa que corre sempre pra ter dinheiro na mesa.

Atenção, as imagens abaixo e alguns trechos do texpo podem um ou mais spoilers.
É por sua conta em risco continuar lendo.

 

No caso do protagonista, a pergunta que fica é porque ele fugiu de casa e o que tem haver com tudo isso que estou falando. No caso do Hodaka, pra mim ele se sentia perdido onde morava e quando chegou em Tóquio e se viu que era mais difícil viver ali sozinho, entrou em desespero pois quanto mais tempo ele ficava ali sem dinheiro e sem ter com que agarrar mais ele via que talvez tenha sido um erro seguir aquele feixe de luz que ele viu na ilha. Então ele lembra do carinha que o ajudou e descobre que ele tem uma revista de ocultismo, onde o Hodaka começa trabalhar. Em um ponto mais pra frente do filme Hodaka descobre que a Hina é a garota do sol que estava procurando, na verdade é ela que se mostra pra ele quando literalmente para a chuva e o sol aparece e é aqui que a gente percebe que a Hina além de de ser a garota do sol, ela é a luz que puxa o Hodaka de sua triste solidão. Ela estava lá por ele e ele assim percebe que tudo que ele queria era ficar naquele mundo mesmo com aquele tempo doido, e que nada mais importava se ele estivesse com ela.

Ele tem algo a se agarrar e durante o 1h47min a gente percebe todo o desenvolvimento dos personagens mas apesar disso o background do protagonista foi um pouco deixado de lado até um certo momento e isso fica óbvio no filme, porém não fique pensando que isso estraga, de jeito nenhum. Nossa quem sou eu pra dizer que esse pequeno detalhe estraga todo o filme, não. Apenas fica a sensação de que faltou algo a mais no protagonista e diferente dele a vida da Hina praticamente fica escancarada pra gente (no bom sentido), criamos empatia por ela e isso também vem do fato que o filme todo é em volta dela.

No geral o filme tem uma premissa que começa tensa e que vai se dissolvendo e se transformando em um ambiente divertido e bonito de se ver, é tipo quando você espera que algo ruim vai acontecer, mas aí você cai do cavalo e ver que tudo está às mil maravilhas e esquece achando que vai ficar assim pra sempre. Isso é mais um ponto que foi bem trabalhado em Tenki no ko, essa montanha de russa de emoções onde você sobe tranquilamente até que uma hora você percebe que aquilo vai desmoronar a qualquer momento e o que resta pra você é só alguns momentos com quem você ama.

Tenki no Ko não é tão focado no romance, mas tirando os protagonistas ele aproveitou bem os personagens secundários e no geral deixou tudo mais leve. A mitologia abordada no filme também é uma parte curiosa e importante já que fala sobre o mundo acima do céu, fala da “garota do sol” e junto com ela vêm os poderes e o sacrifício.

Outra coisa também é as paletas de cores usada em todo o filme, acho que posso dizer que Tenki no ko é um exemplo de filme que tem um contraste de cores perfeita para o clima do filme. Em uma boa parte dele é nos apresentado um clima frio, triste ou difícil com uma paleta de cores frias, mas quando a Hina aparece e faz sua mágica o filme já nos mostra outra paleta de cores. E dessa vez são cores quentes, vivas e alegres. É um contraste que só realça e deixa mais bonito o filme, eu particularmente gostei tanto das cores usadas como de sua trilha sonora.

Bom sou suspeita falar desses dois pontos, mas caramba é pedir muito que o próximo filme tenha Radwimps de novo? ^^ Quando eu soube da notícia que seria essa banda de novo fiquei ainda mais animada com o filme e como resultado vi que mais uma vez essa parceria do Shinkai com a banda foi certeira, nossa que trilha sonora maravilhosa, não me canso de ouvir (fica a dica aí a banda, as músicas são legais).

Tenki no Ko é um filme com uma história sobre o tempo e não é só sobre o tempo climático. É um filme que tem ótimos personagens e uma trilha sonora que soube ser utilizada na hora e no lugar certo e que te dá uma experiência incrível. É um filme bom, mas que não devemos comparar ao seu antecessor, ele tem um ritmo diferente mas te prende de uma forma que você não percebe o tempo passar. Outra coisa gente e só pra deixar claro, Tenki no Ko não é um filme que vai desmanchar você em lágrimas, mas é um filme que com certeza fica gravado na memória.

+ Sobre a Erika, siga ela em suas redes sociais:


– Se você também ideias de matérias, artigos e reviews, entre em contato conosco aqui no site ou através de nossas redes sociais [Facebook – Twitter – Instagram]. Por favor, também não esqueçam de clicarem no Coraçãozinho vermelho ♥ lá no alto da página para sabermos o alcance dessa publicação.

  • E ai, o que acha? Assistiu o filme Tenki no Ko? Gostou do artigo de hoje? Compartilhe com os amigos e deixe seu comentário aqui pra gente!

– Confira outros Artigos produzidos para nosso site clicando aqui!

– Mais notícias de Animes? Clique neste link!

Não perca nenhuma atualização, siga-nos no Twitter@Anime_Xis InstagramAnime_xis
Conhece nosso Canal no Youtube?
Curtam nossa página no FacebookAnime Xis e entrem no nosso Grupo: Anime Xis!

  • Nota

Sobre o autor

Luiz GP

Luiz é editor dos sites Anime Xis e Revista Mundo OK. Formado em Licenciatura Plena em Geografia pela Universidade Estadual Paulista (UNESP) e um fã de animes e cultura japonesa. Além de professor escolar, já atuou como locutor de web-rádio, fã de esportes (principalmente NFL, NBA, NHL, MLB e ciclismo), torcedor do São Paulo FC e baixista de banda de rock as vezes. Duvidas? Siga-me que eu respondo -> twitter e Insta: @oluizgp